Contra Santana - Encerrado a 10.03.2005

segunda-feira, outubro 11, 2004

Bem prega Frei Tomás

Acompanhei com bastante preocupação o excurso reaccionário do nosso Comandante0 a apoiar a cruzada do ministro Frei Bagão no que respeita ao corte dos benefícios fiscais. Independentemente do fuzilamento preventivo a que o Comandante0 estará sujeito por tão louca deriva, recomendo-lhe, adicionalmente, que leia o artigo de JRA hoje no Público Economia a atestar a coerência de pensamento do ministro nos últimos cinco anos. Independentemente do link deixo aqui uma pequena pérola: «Entregar a poupança a uma agência alheia, administradora dessa poupança, não é como comprar uma garrafa de água ou uma caneta. É um bem de consumo diferido e por isso exige confiança e para robustecê-la, o Estado não pode ziguezaguear nos estímulos que concede, para as pessoas poderem planear o investimento a 10, 15 ou 20 anos». É de louvar tanta honestidade intelectual, não vos parece?


 
FREE hit counter and Internet traffic statistics from freestats.com