Contra Santana - Encerrado a 10.03.2005

terça-feira, janeiro 25, 2005

O Governo de Portas

A propósito da exigência de Paulo Portas de que os elencos governativos sejam apresentados antes das eleições, deve dizer-se que há afirmações que só podem ser produzidas por estupidez ou por má fé. E não creio que Portas seja estúpido.
Tal divulgação nunca se fez em Portugal, nem se faz em lado nenhum, por boas razões: de decoro (os convites para o Governo cabem ao Primeiro Ministro, que ninguém é antes de ganhar), mas também de praticabilidade. O convite e a aceitação dependem das condições concretas que resultem da eleição.
O "Governo" apresentado por Portas não conta para este totobola, pois, com as probabilidades de ele ser Primeiro-Ministro em Março, Portas tanto pode apresentar um Governo como um conjunto de astronautas para o programa espacial europeu.
O que é curioso é que as declarações de Portas passem sem que nenhum jornalista lhe pergunte o óbvio. Se isto nunca se fez, porque é que agora seria indispensável?


 
FREE hit counter and Internet traffic statistics from freestats.com